Três poemas de Yosano Akiko (1878-1942) trad. Bruno M. Silva

 Aquela que carrega
no seu coração um amor
sabe que deve ser infeliz,
encoberta por nuvens pesadas,
nunca lhes verá o fim
sob os vastos céus.
 
~
 
Iludo-me ao pensar
que tu estás comigo
enquanto atravesso os campos
de flores, sob o luar.
 
~
 
O meu coração é como o sol,
afundado pela escuridão,
húmido da chuva,
batido pelos ventos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s