“Uma pena. Nós éramos uma invenção tão boa”, de Yehuda Amichai (1924-2000), trad. Bruno M. Silva

Eles amputaram
As tuas coxas das minhas ancas.
A meu ver
São todos cirurgiões. Todos eles.
 
Eles desmantelaram-nos
Um do outro.
A meu ver
São todos engenheiros. Todos eles.
 
Uma pena. Nós éramos uma invenção
Tão boa e terna.
Um avião feito de homem e mulher.
Asas e tudo.
Pairávamos um pouco sobre a terra.
 
Nós até voávamos um pouco.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s